26 de maio de 2022

Kawésqar, o idioma falado por somente 8 pessoas e que linguistas lutam para preservar

Por Fernanda Paúl, BBC

Entre os labirínticos arquipélagos austrais — onde os ventos, as chuvas e o frio não dão tréguas —, viviam os kawésqar.

O grupo nômade passava grande parte do dia em suas canoas (ou hallef) percorrendo os canais entre o Golfo das Penas e o Estreito de Magalhães, cercados por densas florestas, em busca de leões marinhos, lontras, pássaros e moluscos para se alimentar.

Os homens eram responsáveis ​​pela caça em terra (que incluía o icônico huemul) e no mar, enquanto as mulheres coletavam mariscos em mergulhos e cobriam a pele delas com gordura de leão-marinho.

Como os demais povos nativos que povoaram a América há milhares de anos, os kawésqar tinham uma língua própria, profundamente marcada por sua geografia. Isso explica, por exemplo, por que eles tinham 32 maneiras de dizer “aqui”.

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2022/05/01/kawesqar-o-idioma-falado-por-somente-8-pessoas-e-que-linguistas-lutam-para-preservar.ghtml

Related Articles