PT e PSB, da chapa Lula-Alckmin, são aliados em ao menos 11 estados e adversários em outros 9

    Por g1

    A aliança nacional fechada entre PT e PSB, que resultou na chapa Lula-Alckmin na corrida para a Presidência da República, não refletiu de forma uniforme pelo país na disputa pelos governos estaduais. Os dois partidos são aliados em ao menos 11 estados, mas adversários em outros 9.

    As legendas precisam ainda definir os palanques regionais em 6 estados, incluindo o Rio de Janeiro, onde o PT pode deixar de apoiar Marcelo Freixo (PSB) caso não receba de volta respaldo ao nome do petista André Ceciliano para o Senado. O prazo para as convenções partidárias acaba nesta sexta-feira (5).

    Apenas em um estado, o Paraná, a situação é diversa: o PT terá candidatura própria, mas o PSB decidiu não apoiar ninguém na disputa ao governo estadual.

    Leia mais

    - Publicidade -