TARAUACÁ: ATENDENTE DO GIRASSOL QUE MANTEVE A CALMA E A TRANQUILIDADE DURANTE ASSALTO CURSA ENFERMAGEM E TEM UMA FILHA DE 11 ANOS.

    Por Accioly Gomes

    Essa é a Celiane, atendente de caixa do Comercial Girassol, que no dia 16 de julho, atendia um cliente quando de repente o mesmo puxou um facão, a ameaçou de morte, usou termos de baixo calão para se referir a ela e levou o dinheiro do caixa. Era pouco mais de 5 e 30 da manhã de um sábado. 

    O que chamou a atenção da sociedade foi a calma e a tranquilidade da moça, diante de uma situação de ameaça e risco. Durante todo o assalto ela manteve a tranquilidade, não demonstrou medo e ainda dialogou com o assaltante. “Tínhamos acabado de abrir o comércio. Os meninos do açougue e da panificadora estavam lá atrás ja trabalhando e nosso gerente organizando as coisa como fazemos todos os dias. Ele entrou no estabelecimento, comprou uma escova de dente e um creme dental o que custaram 17 reais, pagou e ao receber a sacola com o produto começou a enrolar. Aí enrolou, enrolou a sacola olhando para os lados e demonstrando inquietação. Logo percebi que se tratava de um assalto. Tanto que nem coloquei o dinheiro  no caixa. Quando ele puxou o facão correu pra junto do caixa me ameaçou de morte, me chamando e “p” e perguntando onde estava o pacote de dinheiro. Eu disse que o dinheiro que tinha era 150 reais. Mantive a calma abri o caixa, entreguei o dinheiro e ele ainda buscou os 17 reais dele que eu havia colocado em baixo do leitor. Ao todo ele levou 167 reais”, conta Celiane . 

    Leia a reportagem completa no Blog do Accioly

    - Publicidade -